Você provavelmente já passou por algum imprevisto e, convenhamos, a maioria deles não são agradáveis. Nestas situações aquele pensamento nos vem à mente é “devia ter feito isto ou aquilo”. Porém é quase sempre tarde demais para se reverter o quadro. Mas: não é preciso estar gripado para tomar vitamina C ou ficar doente para ir ao médico. Por isso recorremos à TI Preventiva.

ti preventiva

TI Reativa

Como diz o ditado: prevenção é o melhor remédio. Vamos trazer isso para o ambiente de TI. Sem prevenção acaba-se trabalhando de forma reativa e assim na maioria dos incidentes haverão deslocamentos inesperados dependendo da situação. Além disso, transtornos do tempo em que a infraestrutura do seu cliente ficará fora do ar até que o problema seja resolvido. Isso traz desconforto para o cliente que necessita do serviço e para sua equipe que entra num ritmo acelerado para resolvê-lo apressadamente. Aqui é onde está a maior diferença da TI preventiva e reativa.

Em outras palavras podemos dizer que desta forma trabalha-se apagando incêndios, sendo reativo. Mesmo assim, por mais que sejam paradas não programadas, seu cliente sabe que pode contar com você para estes momentos e que de certa forma irá contornar a situação com sua equipe. Isto garante também um ritmo acelerado da parte de sua equipe fazendo a ociosidade dos seus funcionários passar. Para estas situações algumas ferramentas podem ajudar, como em caso de perda de dados, softwares de recuperação como norton ghost, easeUS, recuva,photorec entre outros. Alguns são pagos, outros gratuitos mas podem ajudar bastante. Ter um estoque de Hardware em casos de fontes, placas mãe, memórias e demais queimarem também é uma opção viável para uma gestão de serviços TI reativa.

TI Preventiva

O lado proativo visa a prevenção dos incidentes como foco, não significa que eles não irão ocorrer, mas sua equipe trabalhará de forma que os índices de casos como estes sejam os mais baixos possíveis, senão até mesmo para que não ocorram estas situações.

Com o mercado cada vez mais competitivo, a gestão de TI preventiva está cada vez mais em evidência. Ela apresenta mais segurança para o cliente e tem um processo que estuda e encaminha o ambiente da empresa corretamente. Como seu foco é disponibilidade, isto torna o contratante um aliado que não somente chama a TI quando ocorre um incêndio.  

O monitoramento de servidores, rotina de backup, rotinas de preventivas na infraestrutura e instalação de antivírus bons são fatores importantes na gestão proativa. Garantindo a sua empresa uma forma planejada e estruturada de lidar com a estrutura do seu cliente.

Existem várias soluções técnicas e ferramentas para nos auxiliar a ser mais pró-ativos. Soluções de backup, de monitoramento e antivírus não faltam no mercado para que você possa oferecer uma solução mais completa de serviços aos seus clientes. Não é o foco deste artigo indicar qual ferramenta usar, mas sim despertar a consciência de que devemos sim usar ferramentas que automatizam essas atividades e facilitam a nossa vida.

Caso você queira saber mais sobre práticas preventivas, fizemos um artigo sobre o ciclo de vida de máquinas. Não deixe de conferir.

Essas foram algumas informações sobre métodos de gestão de TI Preventiva. Esperamos que tenham te ajudado de alguma maneira a perceber novas oportunidades e necessidades no seu negócio. 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 − 1 =