O Sudo é um comando utilizado no Sistema Operacional Linux, para que usuários comuns tenham privilégios de outro usuário e que consigam executar tarefas específicas dentro do sistema.

Com o Sudo, o usuário executa essas tarefas com segurança, de uma maneira que o super usuário ou, se preferir, administrador consegue controlar. 

O comando Sudo foi desenvolvido nos anos 80 por Bob Coggeshall e Cliff Spencer e, a versão atual é mantida pelo Todd C. Miller.

Os terminais de comando

Basicamente, terminal é um programa que usamos para gerenciar recursos mais avançados do sistema. É geralmente uma tela preta, sem botões e sem elementos gráficos, na qual você interage digitando linhas de comandos.

O que é SUDO?

Como você deve imaginar, existem vários comandos que já vem por padrão em cada sistema operacional. Esses comandos executam tarefas distintas e resolvem diferentes tipos de problemas, muitos dos quais são relevantes para programadores.

Funcionamento  e Uso do Sudo

Para utilizar um Sudo, o super usuário precisa ir em arquivo/etc/sudoers e definir quais usuários vão poder executar, quais computadores eles poderão fazer e, quais comando poderão ser executados através dele.

Essa é uma tarefa delicada em termos de segurança, por isso, a edição direta deste arquivo é um procedimento não recomendado. 

Prompt de Comando Windows

O Prompt de Comando do Windows é onde o usuário consegue gerenciar recursos mais avançados do sistema. Muitos usuários não conhecem e nunca acessaram essa funcionalidade do Windows, devido ser algo mais técnico, onde geralmente profissionais de TI e usuários com conhecimento mais avançado, acabam utilizando essa funcionalidade para acessar recursos mais avançados do sistema.

Para acessar o prompt de comando do Windows, basta abrir o menu Iniciar e pesquisar por Executar e, após abri-lo, digitar CMD, clicar no Ok ou apertar Enter. Após isso, o Prompt de Comando irá abrir.

Comandos do Prompt de Comando do Windows

A maior parte dos comandos do Prompt do Windows, é para ajudar o usuário a fazer manutenções no sistema. Profissionais de TI utilizam muito para fazer atividades mais complexas no sistema operacional, mas, você pode utilizar muitos comandos para ajudar na operação do dia a dia. Segue abaixo alguns comandos básicos:

Comando taskkill

Esse comando é usado para fechar aplicativos a força como é feito quando se utiliza o gerenciador de tarefas. Basta colocar alguns parâmetros e o nome do programa que deseja fechar, e então apertar Enter que a aplicação será finalizada.

Comando  systeminfo

O comando systeminfo é um dos comandos mais populares. Ao digitar esse comando Prompt, ele vai trazer detalhes sobre o seu Windows — inclusive a data que o sistema operacional foi instalado.

Comando shutdown

Caso você precise desligar o Windows e, por algum motivo, você está sem acesso a interface gráfica, poderá utilizar o comando shutdown -s-t 0 que você consegue isso sem precisar instalar nada.

Se quiser, pode até mesmo programar o desligamento substituindo o “0″ do comando pela quantidade de segundos. Por exemplo, para desligar após 3 horas coloque 10800 segundos, equivalentes a 180 minutos. Se preferir reiniciar seu PC,troque a opção “-s” pelo “-r”. Para cancelar o comando de desligamento enquanto o tempo de espera está em execução, execute o comando “shutdown -a”.

Terminal Linux

Umas das funcionalidades mais conhecidas do Linux é o seu Terminal, por conta disso, muitos usuários iniciantes tem um certo receio quando começam a utilizar o Linux, achando que deve ser muito complicado usá-lo, pois estão acostumados a utilizarem interfaces gráficas nos sistemas operacionais mais conhecidos, como Windows e Mac.

Saber operar o terminal do Linux é crucial para quem pretende utilizar o sistema operacional Linux e se tornar um profissional de TI. Usar linhas de comandos é algo bastante comum entre os profissionais em redes e desenvolvedores de software, por isso, saber comandos do terminal do Linux é um diferencial.

Comandos Linux

Os comandos ou linhas de comandos, são as instruções que o usuário escreve no terminal do Linux que chegam até o Kernel e se comunica com o Hardware. Abaixo vamos deixar alguns exemplos de comandos básico utilizados no Linux:

Comando CD

O comando CD é um dos mais utilizados no dia a dia dos usuários do Linux. Esse comando permite chegar um diretório rapidamente apenas digitando o endereço do destino.

Comando LS

Quando o usuário digita o comando LS na linha de comando do terminal o Linux exibe uma lista de arquivos que estão armazenados no diretório em que o usuário estiver navegando no momento em que digita o comando.

Comando PWD

Ao digitar o comando PWD, o Linux irá lhe informar o diretório que você se encontra no momento.

Uma informação importante sobre o Linux, é que ele é case sensitive, isso significa que ao digitar comandos no terminal, você deve se atentar a caracteres minúsculos, maiúsculos e espaços.

Se você quiser ficar por dentro dos sistemas operacionais, te convidamos a ler esse conteúdo. Até a próxima!

Experimente Grátis o Service Desk da TiFlux

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 12 =